Este site está em novo endereço: visite www.liaamancio.com.br para novidades e updates!

sexta-feira, janeiro 18, 2002

É. O cd-r que o Carlão gravou é o máximo e eu serei GRATA PARA O RESTO DA VIDA, sério, mas o som está ficando chiado... e chega uma hora na vida de um ser humano em que ele PRECISA ter o Pet Sounds com encarte, comme il fault. E aí eu lembro que já postei a letra de "That's not me" aqui, que é A letra para o momento, então pra não me tornar repetitiva, coloco só o link. Quem quiser realmente saber como estou me sentindo ultimamente, favor clicar nele. Brian Wilson é mais competente para explicar certas situações do que eu.
* * *
Foi lendo o encarte do Pet Sounds que descobri que os compactos acabaram oficialmente quando a Capitol americana decidiu não lançar singles do Rubber Soul, dos Beatles. Foi o fim da supremacia do formatinho, e também o início de uma nova prática.. agora nego podia dar o sangue num disco inteiro, sem se preocupar com uma ou outra faixa de trabalho. Criou-se o hábito, e veio a obra-prima. Juro. Não conheço gente que não se sinta tocada por esse disco, ou ainda que enjoe. Não, ninguém enjoa de 'Pet Sounds'. E Brian Wilson tinha 23 anos quando decidiu fazer o disco mais genial de sua carreira. Eu tenho 23 anos e não fiz porra nenhuma de genial até agora. Tudo são tentativas.
* * *
Vocês pediram, e eu não resisti. Confiram minha baranguice de perto.
* * *
Agora ferrou. Estou com desejo de polenta frita. Heeeee, vamos ver se no Beirute hoje tem. Senão alguém vai ter que ir a Ipanema de madrugada comigo. É.

Nenhum comentário:

Este site está em novo endereço: visite www.liaamancio.com.br para novidades e updates!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...