Este site está em novo endereço: visite www.liaamancio.com.br para novidades e updates!

sexta-feira, fevereiro 28, 2003

Antes que eu me esqueça, pintou um convite pra tradicional Feijoada do Amaral amanhã, no Méli Mélo, na Lagoa.
Sério. Não tou brincando. Depois relato tudo aqui, bicho, essas bizarrices só acontecem comigo mesmo..
Lerêêê.. lerêêê.
* * *
Alô galera de peão.
* * *
Nos vemos na Nautilus. Hoje tem Glamourama e Zumbi do Mato. Você acha que eu vou perder?

quinta-feira, fevereiro 27, 2003

Ontem estava comentando com ele o quão inacreditável é o fato de que não vi nenhuma manifestação carnavalesca neste ano. Nenhum samba enredo em loop, nenhum bloco que me impedisse a passagem, nada. Nadica de nada (tag retirada do filme 'A Marvada Carne').
Eu e minha grande boca.
Eis que hoje.. depois de 13h de trabalho onde o que se salvou foram uns takes geniais no meio de paredes, cabos e bundas involuntárias, mas sim, consegui takes geniais. Depois de 13h de trabalho 'galera de peão', mas ei, não era isso o que eu queria fazer da vida? Não era nesse meio que eu queria entrar? Não foi pra isso que encarei cinco anos de faculdade? Eis que, depois de um dia cansativo-porém-produtivo, em que não produzi, mas aprendi MUITO, chego em casa moída..
..e a bateria da mangueira se encontra sob minha janela.
Gah. Eu mereço.
Não contem comigo amanhã. A música do dia será "lerêêê lerêêê" de novo.
* * *
Livros do Calvin a R$6,00 na Sodiler?
Verdade.
E hoje tem Pixies, Rev. Horton Heat e Servotron pra ouvir no trabalho. Mas como eu não sou normal, já diria minha chefe, tem também a trilha sonora de "A Noviça Rebelde". Só estou esperando as meninas chegarem. (n. da r.: Renata chegou. Com um cd do Falcão)
Cara, Falcão é o rei dos títulos de música. "Se Eu Morrer Sem Gozar do Seu Amor, Minha Alma Lhe Persegue De Pau Duro" barra até os títulos do Man.. or Astroman?, viu?
Da genialidade do homem, tem essa pérola aqui:
"Não tem jeito que dê jeito/ Pra você viver comigo/ De hoje em diante/ Nós vamos ser/ Um simples amigo"
* * *
[nostalgia mode on]
Então eu tinha esse namorado que me ganhou quando me gravou "Confesso Que Fresquei", do Falcão.
É. Esse tipo de coisa me conquista.
Sério.
[nostalgia mode off]
* * *
Teste: Você tem uma vida offline?
Amigos com quem você passa mais tempo ao vivo do que no icq? Amigos que não têm blog - alguns que nem sabem do que isso se trata? Vai ao cinema, a bares, lê livros de papel? Visita sua família periodicamente? Seus melhores amigos são seus melhores amigos porque o blog deles é legal ou porque vocês se conheceram ao vivo, apresentados por alguém? Você conhece as pessoas da lista de discussão que você assina pessoalmente? Mas vocês têm MESMO afinidades e freqüentam os mesmos lugares ou se encontram só por causa da internet? Você freqüenta canais do mirc porque é uma maneira de socializar com seus amigos que moram longe, ou pra fazer novos amigos? 'Celebridade de internet' existe? Você tira fotos com pessoas porque seus sites tem mais de mil acessos diários ou por que eles são seus amigos de verdade?
Algumas pessoas me entristecem, é isso. Mas se são felizes em suas vidinhas virtuais, deixa elas. Só que eu tenho uma vida real, com pessoas de verdade, que por acaso estão online também. É, às vezes acontece.
Triste
Mais um amigo meu que se foi.
Sabe, você passa dias em sua companhia, ele alegra seus momentos de solidão e passa a fazer parte de sua vida, vocês viram cúmplices.. mas ele tem que ir logo.
Herman Loesser, criado por Hector Mann, personagem do livro de Alma Grund, mulher narrada por David Spelling, personagem de "O livro das Ilusões", de Paul Auster. E é dentro de todas essas narrativas que os personagens são apresentados, e os roteiros dos filmes de Hector se misturam ao roteiro da vida de Spelling. E foi na companhia de todas essas pessoas que passei os últimos dias.
Agora acabou.
Que venham outros (e virão, há um Dashiell Hammet à minha espera), então.
* * *
Adaptation
Se você quiser compreender como se dá o processo criativo da Lia, vale a pena assistir ao filme. Se você quiser ver uma estrutura narrativa bastante estranha, vale a pena assistir ao filme. Se você quiser ver o Nicholas Cage numa fase 'derrota', vale a pena assistir ao filme.
Agora, se você tem horror a filmes previsíveis, passe reto. Sério. Fica aí a dica, então.

quarta-feira, fevereiro 26, 2003

Tarô de Marselha. Tarô Cigano. Tarô de Toth. Nenhum deles se compara com este fantástico Tarô de Lego.
* * *
Cansado de emoticons default como :) , :( , :-D e afins? Esta biblioteca de emoticons certamente vai aumentar seu vocabulário de sinaizinhos esquisitos para internet!
* * *
E aí? Você tem visitado o 365 Days Project? A mp3 de ontem (hum, anteontem?) foi o William "Capitão Kirk" Shatner cantando (???) "Rocket Man". Clássico.
* * *
É isso. Vão lendo todas as notícias de hoje que eu já volto. Trabalho é isso aí.

terça-feira, fevereiro 25, 2003

E hoje é aniversário da minha madrinha Regina, do meu tio Alan Kardec (é sério) e do meu GRANDE AMIGO Pedro de Lara.
* * *
Sem sacanagem. O lance dos parabéns que eu dei pro Latino foi via empresária, mas o Pedro foi por telefone mesmo. Com o próprio. O cara é maior legal. Não quer acreditar, né? Tá bom.. cês sabem que mentira tem perna curta, eu não ia mentir pra vocês..
Sabe o que é patético?
Uma mulher de 25 anos na cara chorar ouvindo.. preste atenção na SENSIBILIDADE das canções.. "Could you be the one", do Husker Dü, e "Love Buzz", do Nirvana.
* * *
É saudade de alguma coisa, eu sei, mas não consigo identificar do que. O mais perto que consegui chegar foi "de uma época onde as coisas tinham mais graça porque eram novidade". Até porque a explicação "uma época onde eu não tinha tantas responsabilidades" não se aplica: nesse quesito, prefiro AGORA. Juro.
* * *
Comments recentes devidamente respondidos, onde se compra groselha no Leme, sobre ser gorda ou magra (saúde e auto-estima ainda são mais importantes do que o nível de gordura no corpo - na dúvida, procure um meio termo, heh) e dúvidas existenciais devidamente agradecidas - obrigada, Carlão, James Cinzeiro, quem diria ;), e Lilão, que também é cultura!
E não concordo com o Arrroz, que respondia a Luiza : eu preferia ela de rabo-de-cavalo e franja, antes daquele permanente horrível da cena de "You're The One That I Want".
* * *
A Jukebox Irrepreensível da Lia
Coleta dupla do Jerry Lee Lewis hoje no trabalho. Hoje também tem Stray Cats, Brian Setzer Orchestra e Paul McCartney com seu perfeito "Run, Devil, Run". Josie Kreuzer, Buddy Knox, Janis Martin, Johnny Burnette Trio e The Rockats eu deixo pra ouvir em mp3, em casa. Ai ai, quem tem Kazaa e Soulseek não precisa nunca mais gastar dinheiro com cd, né não?
(não conhece alguma coisa dessa lista? Google neles!)
* * *
Melhor teste EVER:
I will be crushed by a giant duck!



How will you die? Take the Exotic Cause of Death Test

segunda-feira, fevereiro 24, 2003

Momento Dora Kramer ou Tirei a manhã pra ler jornal
Eu não sou alienada não. Mas hoje, e só hoje, e mesmo assim porque Graudi avisou, fiquei sabendo que há duas semanas a Iugoslávia não existe mais.
* * *
Não acredito que Rosinha Garotinha faça isso por maldade. Pra mim, é incompetência mesmo.
* * *
Deu no jornal de hoje:
Traficantes incendeiam ônibus no Rio de Janeiro (aqui)
Mas afinal, é incendeiam ou incendiam, se vem do verbo incendiar, e não incendEIAR?
* * *
Quando é que o globo on vai consertar aquele "saiba tudo sobre o maior espetáculo da Terra"? CARNAVAL NÃO É O MAIOR ESPETÁCULO DA TERRA. Entendam. Jornalismo não devia contar mentiras.
* * *
Hoje é dia de ouvir SERTANEJO no trabalho. Começamos os trabalhos com Sandy & Junior oldschool, antes dela ficar gostosa, na época em que Durvalzinho (se o moleque é Junior e o pai é Durval, é óbvio que ele TAMBÉM se chama Durval, cês sabem) usava mullet. Muito foda. Ah, qual é o problema? Se eu gosto de rockabilly, é perfeitamente natural que eu goste de country - e se eu gosto de country, por que discriminar o sertanejo, se as produções nacionais e gringas estão cada vez mais parecidas?
E mais, a Sandy não precisa de Pro-Tools.
O que eu estou dizendo?
É a idade. Perdi o critério. Ou melhor, ampliei meus critérios, e estou menos chata. Deve ser isso.. deve ser.
* * *
Não, não me chamaram de gorda. Vocês entenderam errado. Me chamaram de MAGRA - e não foi uma pessoa só não. A verdade é que eu não sou magra nem gosto de ser chamada de magra, é isso. Heh. ;)

domingo, fevereiro 23, 2003

Sabe em "Barbara Ann", dos Beach Boys, quando alguém fala algo para um tal James Ashley?
Quem raios é James Ashley??
Nem o Google soube me dar uma boa resposta.
Alguém sabe?
* * *
All Summer Long
Beach Boys, Paul Auster, groselha gelada, uma manhã maravilhosa ao seu lado e roupas, sapatos e comidas para a igreja.
Acho que ser feliz é isso.
Respondendo a minha querida e estimada Livia, não. Eu e minha barriga, minha anca larga e meu braço gordo estamos aqui ainda. De fato, dei uma murchada daquelas fotos de pin up pra agora, mas não tou MAGRA não. Tou é gostosa pra caralho. E fiz uma pose pra essa foto que o braço não saiu com todo o seu diâmetro, e o rosto de lado fica fino mesmo. Essa é a verdade. Etiópia não - aliás, é impossível, com tanto brigadeiro e torta de limão, e mais o feijão que sobrou da semana ;)
Quanto aos peitões, Livia, não me coloque na berlinda. Terei que confessar publicamente que nunca os tive, é tudo wonderbra/ Aquabra/ Click-up mesmo. Sempre foi.
A Lia com *muita* coisa pra apertar está aqui ainda, alive and kicking. Só esclarecendo.
* * *
E ontem foi foda. Amigos, tequilas e comidinhas mexicanas. E um presentão tamanho humano. E também uma boa conversa via icq com alguém de quem morro de saudades. Quem precisa de mais? Não senhor. 25 anos é isso aí.
* * *
Domingo de sol, Beach Boys no som ("Good Vibrations" em loop) e uma jarra de groselha. Tem gente que é feliz com pouco, viu?

* * *
Surf Nazis Must Die. Cortesia do Hiro, uma das poucas pessoas com condições reais de competir comigo no quesito "quem acha coisas mais freaks na internet?".
Se bem que o Gabriel também é páreo duro.
* * *
Trauma de Infância
O Pablo, aquele cara com borboletas purpurinadas na bochecha e cabelinho de Príncipe Valente. Deus do céu, como eu chorava vendo aquela figura dublando o Ney Matogrosso no Qual é a Música, que passava na TVS antes de virar SBT! Que mané Zebrinha do Fantástico.. o Pablo, foi ele sim, assombrou minha infância (os caras do Kiss merecem outro post).
E o SEU trauma? Qual era?

sábado, fevereiro 22, 2003

Yay, pessoas, obrigada pelos parabéns.
Eu sei que está em cima da hora, mas olha só, o Puebla é um lugar público. Não é restrito. Estarei lá, e nada impede que quem quiser ir apareça também. Ainda não tenho o poder de fechar lugares. Ok, só esclarecendo.
* * *
Sim.
Nessa época do ano, sempre me vem à cabeça "G.R.E.S.", do Pato Fu. "Eu não gosto dos G.R.E.S./ mas em fevereiro/ tenho que suportar os G.R.E.S./ no carnaval..."
Por incrível que pareça, os G.R.E.S. não têm me incomodado, e isso, por MAIS INCRÍVEL AINDA que possa parecer, me incomoda - não as escolas de samba, que até que tenho conseguido manter alguma distância (carnaval já é semana que vem e ainda não ouvi UM samba-enredo de 2003), mas essas manifestações locais, carnaval de rua, bandas de associação de bairro, essas coisas legais - criancinhas vestidas de baianinha, havaiana, comendo cachorro quente..
Meu parâmetro é a Rua Nóbrega, em Niterói. O carnaval da Nóbrega era tradicionalíssimo em Niterói - e morreu.
Não que tenha morrido totalmente. Mas hoje, passando pela Prado Junior e ouvindo um carro de som tocando "Aurora" ("se você fosse sincera/ ô ô ô ô/ Aurora/ Ai meu deus que bom que era.."), caiu a ficha - não existe mais música de carnaval. O que existe hoje é uma bateria ensurdecedora com uma letra por cima tipo "o esplendor.. ô ô - do índio do Brasil - e o ano dois mil? O ano dois mil, Cabral, olhaí Cabral! Cabral e o esplendor de sua nau! E a _insira nome da sua escola aqui_ na Sapucaí!", e essas marchinhas gostosas sumiram. Puf! Bailinho de criança que toca "Egüinha Pocotó".
Não existe mais aquele espírito de carnaval, de diversão - nego espera carnaval pra perder a linha, pra beijar o máximo que conseguir, bando de enrustidos que não têm coragem de perder a linha normalmente, num fim de semana normal, que precisam dessa desculpa "Carnaval pode".
Não existe mais carnaval pra família, e mesmo o desfile das Escolas de Samba é pra turista ver - mesmo, as escolas estão muito preocupadas com a vista aérea e a Riotur, com vender bons lugares para turistas.
Assim, complica.
Então, carnaval pra mim virou sinônimo de ler um bom livro e não ter que acordar às 6:45 durante 4 dias. Sem perder a linha - ou perder apenas a minha cota NORMAL. Sem samba-enredo. E, infelizmente, sem "Aurora".

sexta-feira, fevereiro 21, 2003

DERRAMA, SENHOR!

(Lia, em momento "Incêndio na Cinelândia" = MUITA queimaçao de MUITO filme)
* * *
Porque quando você mora sozinho e não é o Fred Leal, que é O MAIS PRENDADO, comer comidinha da mamãe é necessário - até arroz, que eu não como normalmente, ganha outro gosto. Então é isso o que eu vou fazer. Família, lá vou eu.
* * *
Porque família nunca te larga e nunca deixa de ser família. Se bem que o povo que apareceu lá no pub ontem é quase isso. Na ausência dos meus consangüíneos, é muito bom saber que posso contar com essas pessoas - e mais algumas - pro que der e vier.
* * *
Aliás, quem tem família tem tudo, né não? Olha o que minha irmã fez pra mim (clique aqui)..
GAAAAAAHHHHH! Eu sabia que a idade chegando me faria me render a essas bonequinhas from hell!! Mas ainda não me rendi aos encantos da Avril Lavigne. Enfim, eu tou me segurando pra não regredir FEIO, a verdade é essa.
* * *
[piada muito interna]
Diarista
O decôro me impede de dar meu parecer técnico.
[/piada muito interna]
* * *
Então é isso, hein? Amanhã, a partir das 20, no Puebla da Cobal do Humaitá.

quinta-feira, fevereiro 20, 2003

Desisti de me comportar como uma garota que escreve "bunitinhu", "aki" e gosta da Avril Lavigne. Acho que ia ser um grande choque pra quem me conhece há mais tempo.
* * *
Mas até que aquela música dela é bunit.. ops!!!
* * *
Deu no jornal de hoje:
Onda de violência mata 14 palestinos
Eu e minha imaginação fértil já começamos a imaginar um mar de palestinos formando uma ONDA com suas cimitarras (mas hein?). Por outro lado, não menos fantasioso, posso até dizer que acho isso bonito - me lembra "Wave of Mutilation", do Pixies, na versão "UK surf".
Lógico que se a matéria tivesse outro título, eu não acharia isso nem um pouco bom - se eu fosse jornalista, acho que nunca faria alusão a expressões que pudessem ser mal interpretadas por pessoas diferentes e com necessidades especiais como eu.
* * *
Ainda do Jornal de Hoje:
Um menino de 9 anos de Hong Kong se tornou o primeiro caso comprovado de gripe das aves em seres humanos desde 1997, quando um surto matou seis pessoas e levou o território chinês a sacrificar todas as suas aves domésticas.
O vírus da gripe das aves é temido por especialistas porque tem potencial para deflagrar uma epidemia mundial. Por enquanto, porém, não há indícios de mais casos.

Deus do céu, imagina se as galinhas ENLOUQUECEM? E os papagaios? Cara, agora que não tem mais VACA LOUCA, o que vai ser dos pobres periquitos que espirrarão adoidado e contaminarão a população?
Isso TEM QUE ACABAR.
* * *
Tou fazendo umas mudancinhas no Conga Conga Conga. Meu zine tá ficando GATO. Inclusive vai rolar uma divulgação maciça do meu bebê quando ficar pronto, afinal, ninguém faz seis anos de zine impunemente.
É.
Poxa.
Desde 97.
É isso, estou ficando oficialmente velha.
* * *
E feliz aniversário pra vovó Inah. Vou ligar pra ela mais tarde. E você, já abraçou sua vó hoje?

quarta-feira, fevereiro 19, 2003

Vocês bem que podiam fazer uma vaquinha e me dar de aniversário uma passagem ida e volta e ingressos pro festival Viva Las Vegas, que acontece em abril na Barra da Tij.. quer dizer, em Las Vegas, hein? Cara, vai ter The Bobettes e elas vão cantar "Mr. Lee".. isso é imperdível.
* * *
Aliás, outra coisa divertidíssima são essas canções-resposta e canções-seqüência: Primeiro elas gravam "Mr. Lee", depois gravam "I shot Mr. Lee". Aquela redneck bonitinha, a Lesley Gore, gravou "It's My Party", onde o Johnny pega a Judy, e sua continuação, "Judy's Turn To Cry", onde a Judy está desolada porque Johnny voltou para Lesley.
Ainda há várias versões de "And Then He Kissed Him" / "And Then I Kissed Her" e, pasmem, até no rock brasileiro da época isso era uma prática comum: é só pegar a letra de "Barra Limpa" e ver que é uma resposta a "Garota Papo Firme".
Deve ter muito mais. Não tou lembrando. Com o tempo, vou colocando aqui - mas se vocês souberem, podem dizer.
* * *
Puxa, mas esse creme da Nivea é bom mesmo, hein? Estou até me sentindo mais jovem! Waaaaal! Se eu começar a gostar de Avril Lavigne e escrever "bunitinhu", não estranhem, hein?

terça-feira, fevereiro 18, 2003

A Jukebox Irrepreensível da Lia:
Polecats - "Jeepster", cover de T-Rex
Lively Ones - "Pipeline"
The Trashmen - "Malagueña"
The Beach Boys - "I Can Hear Music"
The Surfaris - "Catch a Little Ride With Me", "Karen", "Hot Rod High".
The Shadows - "The Savage"
* * *
Aliás, sabe o JP? Aquele que escreve o Folhetim Bizarro, toca no Netunos e já andou arriscando umas purpurinas no Glamourama? Então, ele tem um PASSADO de surf music de respeito. Antes de tocar guitarra nos Netunos, ele era baixista do The Trashmen. Nesta foto, João Paulo Cuenca está escondido na capa do clássico "Bird Dance Beat". Ele pensa que me engana. Na verdade, ele é um puta baixista, escreveu a história do rock e está aí, fingindo que está começando.

Acreditem. JP é bom pra caralho. Então, amigos, prestigiem os Netunos onde quer que eles estejam, ok?
* * *
E Puebla, gente? Vocês preferem Puebla ou Heavy Duty no sábado?

segunda-feira, fevereiro 17, 2003

Cara, será que eu comemoro no Heavy Duty mesmo ou em algum lugar mais, hum, menos ROCK?
Aceito sugestões.
comemorações
Sábado, dia 22, a partir das oito da noite.
Rock 70's, motocas, condução para qualquer parte do Rio de Janeiro, bebida barata, mulheres cheias de amor pra dar (na rua de trás) e uma batatafritaporra especial.
É isso aí.
Sábado, dia 22 de fevereiro, no Heavy Duty. Porque RÓQUE é isso aí.
Quase 25
Você também sabe que a idade está chegando quando lembra que sexta feira é seu aniversário, e você resolve se dar de presente.. uma ida a um spa? Nããão! Um kit de bolinhas tailandesas das pequenas, porque das grandes você já tem? Nããããoooo!! Aquele livro que você namora há um tempão? Nããããoooo!!
Um pote de Creme Anti-Rugas Q10 plus Diurno da Nivea.

* * *
Brinque de karaokê com o ABBA!! Tem as músicas instrumentais e as letras pra cantar junto.. era o que estava faltando pra fazer a alegria da garotada.. mas a usuária aqui não se acertou com o plugin.. quem conseguir me avisa, ok?
* * *
Depois nego pergunta por que eu sou assim.. olha as coisas que minha mãe manda!
* * *
Aliás, dia 19 de fevereiro, Relatório Alfa reformulado. Oba!
* * *
Heeeh, pensou que hoje teria outro texto foda sobre alguma experiência bizarra do dia-a-dia? Nada! Trabalhei o tempo todo, não consegui nem ler os quatro horóscopos diários. Tá foda. Bem, melhor estar cheia de trabalho do que sem trabalho nenhum, é o que sempre digo. Divirta-se com os links aí - e quando conseguires cantar "Fernando" igualzinho, me chama prum videokê.

domingo, fevereiro 16, 2003

Wim Wenders e Aprendenders
Vocês que acompanham isso aqui há dois anos devem saber que eu moro sozinha há pouco tempo - oficialmente, desde novembro de 2001, embora tenha começado a me mudar aos poucos desde antes. Não sou rica, não tenho empregada, não pago marceneiro nem pintor, minha casa é minha minha minha. Desde as vitórias até as derrotas, como a de hoje que eu SEI que vai deixar marcas.
amadorei muito, mas cada grande cagada que eu faço é um aprendizado - desde consertar privada, matar barata, trocar lâmpada, montar estante, instalar suportes, utilizar furadeira em azulejo, primeiro arroz, o melhor macarrão, histórias de faxina e por aí vai. Se liga, tudo isso vai virar uma seção do Conga Conga Conga. Espero ser de grande ajuda para o pessoal que também está aprendendo a se virar.
* * *
Acontece que ontem fiz meu primeiro feijão. Só pra constar, ficou gostoso. Não tenho panela de pressão, meu fator Amancio não permite - tenho pavor de explodir na minha mão. Gah, não gosto de não poder acompanhar o processo de cozimento. Catei o feijão, lavei, joguei na panela com água e temperos e fiquei esperando - de vez em quando eu ia lá mexer, ver como o bichinho estava. Tenho uma pequena deficiência de ferro no organismo, então aprender a fazer feijão é uma vitória.
Liguei pra mamãe, que ficou monitorando lá de Niterói. "da próxima vez, deixa ele de molho já de véspera, pra ficar molinho" "não jogue a água fora, é nela que estão os nutrientes" "mas mãe, eu nem deixei de molho!" "fez muito?" "fiz" "guarde em potinhos separados no congelador. Você temperou com cebola, fica gostoso, mas cebola azeda".
Ok.
Guardar no congelador.
QUE CONGELADOR?
* * *
"Ih, mãe, vou ter que descongelar a geladeira".
"Tranqüilo. Quando foi a última vez?"
"Errrr.. eu nunca descongelei a geladeira."
No começo me pareceu fácil, você tira tudo o que tem dentro, joga os potes de maraschino sem cereja fora (lembra? eu coleciono eles sem querer, uma vez eu contei sete na geladeira, acabei jogando todos fora), desliga da tomada, e 24h depois descobre uma caixa de hamburguers de frango congelados desde janeiro de 2002, e algum espaço de sobra.
* * *
Tsunami
Todo mundo já teve o pesadelo de uma grande onda. Diz um amigo meu que isso são lembranças de quem viveu na Atlântida, não o estúdio, mas o continente perdido. Eu acho que é imaginário coletivo criado por tanto filme de desastre. Enfim. Tive a premonição do Desastre e comecei a me prevenir para o fim dos tempos:
"Meu anjo, me deixa ali na frente do Pão de Açúcar? Preciso comprar uns panos de chão extras."
* * *
Funciona assim, toda geladeira tem o gavetão embaixo, que serve - entre outras coisas - pra guardar a água que escorre. Eu SEI disso. Inclusive meu garoto me lembrou disso antes de sair daqui. O problema é que eu não contava com o grande bloco de gelo, que fez com que a gavetinha debaixo do congelador pesasse na minha mão e caísse antes que eu pudesse tirar a tampa do gavetão, que serviu de aparador para toda aquela água que, como a Tsunami, espirrou para todos os lados. Assim, inundou a casa. Só isso.
Em questão de segundos, revi toda a história da geladeira, peguei os panos de chão e um balde, e como numa edição frenética de programa de esportes de TV por assinatura, com "Wipeout" de trilha sonora, impedi a água de avançar. Ou pelo menos, tentei. Nunca agradeci tanto esse calor puto que faz no Rio no verão, a água parou de escorrer e boa parte do chão já secou.
* * *
Mas meu feijão ficou gostoso e nutritivo, meu primeiro feijão. E agora pode até ser congelado. E é isso o que importa.

sábado, fevereiro 15, 2003

"The Ring"? Vi esse não senhor. Pra mim, "The Ring" só existe um, e é o filme mudo do Alfred Hitchcock.
There Is No Spoon
Entorte garfos com o poder da mente.
* * *
Este blog respeita Maryana Campello.
* * *
Aliás, agora este blog respeita mais ainda a Maryana Campello!! Gentes, essa menina é a História do Rock (mas gosta de Jorge Vacilo.. ninguém é perfeito..) ;)
* * *
Ok, ok, não respeito nego que me canta na rua dizendo "loirinha!". Isso é preconceito racial. Só porque eu sou MUITO branca.
Mas então.. agora eu deixo:

Quer dizer, ainda acho exagero chamar de lôra, mas como essa é mesmo a intenção para um futuro não muito distante..
* * *
Aliás, a música de abertura dos Cubix começa com a frase "num futuro não muito distante". É impressão minha ou é uma referência direta ao tema de abertura de "Mystery Science Theatre 3000"? - que começa com a frase "In the not too distant future", e como o tema original dos Cubix é em inglês..
* * *
Aí.. isso é sacanagem com o Hawking..
* * *
Da série "Dexter rula":
Omelette du fromage! Omelette du fromage! Omelette!
* * *
A única coisa chata com esse lance de informação circulando solta na internet é que ninguém nunca credita nada. Nem a criatura que te passa o link. Acho isso de uma falta de educação monstra.

sexta-feira, fevereiro 14, 2003

Oh, como eu amo a milenar arte da programação visual em POWERPOINT!!
*irca*
Daqui a exatamente uma semana eu completo 25 anos. Vai ter que rolar um "meu primeiro Renew".
* * *
Só gato. Cortesia do Hiro.
* * *
Você sabe tudo sobre Os Simpsons? Mas sabe tudo MESMO? Mesmo aquelas informações mais obscuras? Teste seus conhecimentos aqui.
* * *
Signo Solar e Ascendente
ah. porra. não sei o código pra riscar o post então apaguei essa merda. a explicação está aqui embaixo. QUACK!
* * *
Update: meus conhecimentos nessa área são tão parcos que eu levei um pito aqui em pvt por trocar as bolas. Anyway, a verdade é essa: eu sou muito escrota, crítica e sarcástica para o mundo, mas na verdade eu sou sensível sim. Haha.
Bem, a outra verdade é que eu me saio melhor contestando minha mãe e tentando achar explicações científicas pra todo esse papo de planeta. É isso. Hah.
* * *
Update 2:
FZer0(16:43 PM) :
O código é strike, menina. Aliás, lembra daquela cena do Aperte os cintos, o piloto sumiu?
FZer0(16:44 PM) :
O cara vai tentando se lembrar do nome do cara
"striker.... striker.... striker.... striker.... striker.... "
Aí vira para um cara que está do lado da mulher e fala "STRIKER!"
E o cara dá um soco nela (strike her).
Agora já era, Fabio ;)
* * *
E essa história de inferno astral é BALELA. Estou lidando bem até demais com fim de relacionamento, falta de grana (isso só está me impulsionando a CRIAR mais), com gente escrota me atacando gratuitamente por algo que eu tenho como provar que não fiz - situações que, todas vindas em menos de um mês, levariam qualquer um ao limite - mas eu estou mantendo a calma e a paz, tirando lições, me sentindo estimulada a agir de forma diferente - o que me faz acreditar cada vez mais na máxima de J.P., não o Cuenca, mas o Sartre, quando ele diz que "l'enfer, c'est les autres".
* * *
Aliás, culpa católica é uma merda. Ataca mesmo quem se diz ateu. Depois não sabem por que eu me digo Filha de Iemanjá.

quinta-feira, fevereiro 13, 2003

Acho que consertei uma grande cagada de template.. fiz alguma coisa muito errada, aumentei a fonte, os links ficaram inoperantes.. consertar html direto da janelinha do blogger ainda é tarefa pra macho - estou até respeitando o dreamweaver, esse programa escroto cheio de pop-ups.
* * *
Yael voltou!
Da série "dia 21 é meu aniversário, essa é minha wishlist"

Compre aqui.
Essa música "Uuuunnnbreak my heaaaart!" é muita picaretagem.
* * *
O poder da palavra falada, em detrimento da escrita
Dizem que um documento escrito e assinado tem mais valor que um contrato "de boca". Pode ser. Mas por escrito, uma piada como a da trilha sonora de seriado japonês que o Ozzy foi convidado a fazer na época em que ele tinha a língua presa não faz sentido algum.
Ao vivo, se eu fizer "taaaan tan tan-tan-tan, tananananananan tan-tan-tan, Iiiiii aaammm Lion Man.." fica até engraçado. Mas por escrito ninguém vai rir. Assim como a do Mr. Brownie, que é literalmente um SENHOR Brownie que vende em lojinhas de produtos naturais aqui no Rio.. se eu escrever "Miiiister Brownie.." não tem nem graça. Mas cantarolar "Miiiister Brownie" como se fosse "Mr. Crowley" fica engraçado. Foda é ter que explicar.
* * *
Happy Valentine é meu ORIFÍCIO ANAL, okay? Combinemos assim.
* * *
Você já conhece o The Toilet Zone, nova seção do Conga Conga Conga em formato blog? Imagine que o zine é sua casa. O Toilet Zone é papo de banheiro. Vai lá, vai, neném. Eu garanto a diversão, e pode colocar no bookmark que é garantido (aliás, você já foi ao Conga Conga Conga News hoje?).
* * *
Boneca Hits
Deixa pra lá/ Deixa pra lá/ tome já Maracugina que vem do maracujá!
* * *
Hoje é 13 de fevereiro
E neste dia, em 1996, houve uma enchente que acabou com partes do Rio de Janeiro. Uma banda lá da minha terra, a Buraco Negro, basicamente uma banda de covers pra tocar em festa (se eles tocavam Lynyrd Skynyrd? LÓGICO! São de Niterói!) resolveu se aventurar em canções próprias e fez essa, "13 de fevereiro".
Porque eu estou falando isso? Porque, além de saudades de Guga, Zé, Lu, Ana Paula e do povo todo que andava com a gente na época, preciso confessar que esse foi meu primeiro videoclipe.
O segundo foi um trabalho de edição de imagens ao vivo de uma música das Staples. Deu uma trabalheira, porque o andamento das imagens ao vivo era bem mais rápido que o da gravação.
Teve mais na faculdade, mas era colagem de imagens, ou apenas trabalhos de edição. Pois é, esse blog existe há dois anos e ninguém sabia que eu faço vídeo - vagabundo é a puta que pariu!
* * *
Tá vendo? Fiz outra piada interna aqui que só tem graça se você acompanha a carreira do Casseta & Planeta desde a formação da Joint-venture entre Casseta Popular e Planeta Diário. Além de sem-graça, tou ficando VELHA.
* * *
Meu horóscopo de hoje (um dos quatro) diz:
Talvez você queira mudar seu visual hoje. Vista-se mais de acordo com seu interior e não se incomode com a moda ou com as outras pessoas.
QUÁ QUÁ QUÁ! Eu venho para o trabalho vestida de cantora country anos 50 e só agora eles me avisam??

quarta-feira, fevereiro 12, 2003

Vamos lá. Ainda tenho algumas coisas pra mudar aqui, mas no geral é isso mesmo.
Pelo poder do html.
O Sobrenome e a Habilidade Nas Castañetas Não Negam
You are Spanish
You are a Spaniard.
What's your Inner European?
brought to you by Quizilla
É que eu sou caliente pra carajo..
* * *
Teu inglês está em dia? Leia este artigo brilhante sobre a virgindade da Mulher Maravilha.
* * *
Porque, às vezes, pra aliviar a barra de alguém, você troca um "eu te amo" por um "eu te adoro", achando que está fazendo um grande negócio - porque ainda não é hora de falar em amor, porque você acha que vai pegar mal, sei lá quais são seus motivos escusos.
Eu te adoro é definitivamente mais pesado. Tem a ver com adoração, com religião. Você adora um deus, um ídolo, uma imagem. Você ama pessoas, e isso na maioria das vezes nem tem a ver com amor romântico - mas as pessoas costumam associar "eu te amo" a esse tipo de amor, sabe-se lá por quê. Amor, pra mim, é aquele sentimento que, se não é universal e irrestrito, deveria ser. É se sentir confortável- e não falo apenas de conforto físico -, é mais do que apenas 'querer bem'.
Mas não é idolatria. Minha religião - que eu ainda não descobri qual é - não permite.
* * *
E ah, sim, ontem, dia 11, foi aniversário do Latino. Até mandei meus parabéns. FAÇAM ESSE FAVOR A SI MESMOS, NÃO PERGUNTEM, OK?
* * *
Divulgação Freak
Ok, por 20 dólares esse cara escreve sua URL no peito, faz um banner e divulga no site dele. Ahn.. e depois a freak sou eu. Ok. Só testando.

terça-feira, fevereiro 11, 2003

Rosinha já tá fazendo besteira - exatamente como seu marido, que deixou um rombo no orçamento do Estado, ela agora não consegue gerenciar as contas - e tá fazendo caquinha. Não se mexe com funcionário público - especialmente das áreas de saúde e educação. Porque você pensa que ah, as escolas e faculdades parando, o país não pára de funcionar - ahn, ok, mas se você levar em conta que um dos nossos problemas mais graves é a educação, o nível das escolas anda baixo e, por conta disso, as pessoas ainda se fodem quando vão procurar emprego ou fazer concurso - porque estudaram numa faculdade de merda. E não passam para uma faculdade porque estudaram numa escola ruim. Viu essa? O mau resultado dos alunos que prestaram vestibular pra Uerj pela cota reservada aos estudantes de escolas públicas vai refletir sabe como? Professores terão que nivelar por baixo; o ritmo tem que começar mais lento, atrasando o aprendizado dos outros; ou não, ou o ritmo é o mesmo e muita gente vai abandonar porque não agüenta o tranco. Por quê? Porque estudou numa escola onde os professores não tinham o mínimo incentivo para pesquisar e passar a informação adiante. É gente que precisa do emprego, mas não tem tesão no que faz.
Vaca. Não é cortando verba de Educação, muito menos de Saúde, que se faz as contas do Estado melhorarem.
Tssss.
É uma questão de SABER O QUE E PRA ONDE REPASSAR.
* * *
Sabe, eu tenho alguns projetos pessoais, e ontem estava trabalhando neles. Um deles é organizar meu portfolio. Outro é fazer coisas para aumentar meu portfolio - e ontem foi dia de criar. Mais detalhes, em breve. Já tem coisa disponível, mas ainda não me sinto à vontade de fazer a divulgação maciça do projeto. Mas vocês podem ter certeza de que Lia está aprontando das suas, como sempre..
* * *
Phil Spector em maus lençóis
Família é aquele pessoal que não nos deixa na mão nem em nossos momentos mais difíceis, certo? Errado. Gary Spector, 36, e Donte Spector, 33, já entregaram que papai Phil ameaçava os pimpolhos e os obrigava a fazerem sexo com uma loiraça que ele abrigava em sua mansão. Donte Spector afirma que, sim, é verdade que não há provas de que Phil tenha mesmo matado a atriz Lara Clarkson, mas que o que ele fazia com os filhos é suficiente para passar uns bons anos enjaulado.. então tá, né?
* * *
Teste-verdade do dia: "Baby! You're driving me crazy!"
(em homenagem à minha amiga que deixou comentário anônimo aqui, mas lembrou de deixar o UIN real)

Psycho. You are overwhelmed by anger. You may even
hate the world and everything in it and you
believe revenge is the way of the world. An eye
for an eye.
How Emotional Are You?
brought to you by Quizilla

segunda-feira, fevereiro 10, 2003

Sabedoria Popular
Ouvi essa na Mundo Verde:
- Vocês têm Celestina de Soja?
* * *
Hey, boyo!
Esqueçam a interpretação caricata do Day-Lewis e o fato de que nunca na vida aquele moleque do Leonardo DiCaprio despertaria tesão em alguém, ainda mais com aquele bigodinho - no máximo, uma vontade de apertar suas bochechas e levar pra casa, chamando de "cuti cuti": "Gangues de Nova York" é um filmão, e nem digo isso pela longa duração; a história das guerrinhas urbanas entre americanos nativos e imigrantes irlandeses na praça que um dia viraria Chinatown é interessantíssima - pra quem conhece a geografia da cidade, pra quem curte música típica irlandesa (aaah, prato cheio), pra quem gosta de Martin Scorcese.. porque no fundo toda guerra é sem propósito e essa não é diferente, uma vez que os nativistas são descendentes de imigrantes ingleses e os irlandeses só viraram católicos depois da Inquisição, ou seja, a guerra-santa não faz sentido algum - mas desde que a humanidade existe, acha-se motivos para brigar, e de nações até indivíduos aparentemente inofensivos, é inconcebível que um ataque seja respondido com uma ação de paz de volta (como um sorriso. ou a resistência pacífica. as pessoas não estão preparadas para a não-violência ou para um abraço). E as brigas de "Gangues de Nova York" são realmente estúpidas e primitivas, com cada arma de fazer pular da cadeira. E quem é mau, é mau mesmo. Embora o final seja óbvio (você sabe alguma coisa sobre a história de N. York? Sabe quem está narrando?), o 'durante' faz a bunda colar na cadeira e os olhos, na tela. Te juro.
* * *
Se liga que o Johnny é o ex-garotinho, hoje um rapagão, que fez o Elliot em "E.T.". E o Shang, viu, baby, descobri de onde conheço o Shang - esteve em "Snatch", do Guy "Sr. Madonna" Ritchie.
* * *
Associação de Idéias
Toda vez em que algum irlandês dizia "Boyo" eu cantarolava mentalmente "Wrong 'em Boyo", do The Clash. Éééé..
* * *
Agora, a passagem que mais me tocou o coração foi a dos caras comentando sobre os ritmos negros misturados à música irlandesa com ar de quem acha patético - enquanto a imagem mostra uma espécie de precursor de Bojangles. Sabe quem foi Bojangles?
* * *
They may not know who's president, but just ask'em who Bojangles is
Bill "Bojangles" Robinson sapateava. Como se só sapatear não fosse o bastante, Bojangles redefiniu o peso dos pés durante a dança (e depois, Bubbles criou as 'notas' a serem dadas com os pés, transformando o sapateado em instrumento musical). Bojangles fazia dupla com Shirley Temple, fez par romântico com Lena Horne (quebrando o tabu dos casais inter-raciais no cinema da época), trabalhou em "The Hot Mikado", se apresentava no Cotton Club acompanhando Cab Calloway (POOOOORRRAAAAA que currículo!!) e foi influência para Fred Astaire - em seu filme "Swing Time" há esta canção de J. Kern chamada "Bojangles of Harlem" - o que Astaire fez foi, basicamente, conferir elegância à dança. E que elegância. Eu já disse o quanto eu amo esse homem? Pois ééé..
* * *
E eu resisto?? Tive que comprar a HQ da Mulher Maravilha que está nas bancas, "Hiketeia". Fraquinho, fraquinho. Diana luta com Batman por uma criminosa que, pelas leis de seu povo, ela é obrigada a proteger. Ok, é fraco, mas é a Mulher Maravilha, sempre vale a pena..

sábado, fevereiro 08, 2003

GOOGLE GIRL ataca mais uma vez!
(isso é para, no domingo "sem nada para fazer", vocês terem links e mais links para visitarem.. porque nosso lema é "Servir Bem Para Servir Sempre"!)
Fazer viagens intermunicipais de van tem um GRANDE inconveniente. Grande MESMO. O negócio é o seguinte, quando eu morava numa cidade e trabalhava em outra, usava o tempo do ônibus e das barcas pra botar as leituras em dia. Chegava verde, vomitando, mas terminava mais um texto do Walter Benjamin nesse tempo que, obrigatoriamente, passava sentada todos os dias. Quando me mudei para a cidade grande, esse tempo diminuiu - mas era válido, às vezes eu desviava minha rota para a aula de dança, e lá se ia mais um Raymond Chandler durante o clássico engarrafamento do comecinho da São Clemente. Agora, trabalhando a quinze minutos a pé de casa, não rola. Visitar mamãe é sempre uma alegria por causa disso.
* * *
Ocorre que perto da entrada da ponte que separa a minha província querida da cidade grande, o motorista da van apaga a luz interna do veículo. E meu Paul Auster, ó, vai pro beleléu. Justo quando David conta como juntou as peças para descobrir o paradeiro de Hector Mann. É uma leitura cativante, sou fã de Paul Auster desde que peguei na "Trilogia de N. York", fico frustrada e tentando achar meios de arrumar luz. Viro o livro de lado, pra janela. Levanto um pouquinho, pra pegar a luz que vem do pára-brisa. Não deixo passar um carro com farol vindo de trás. E mesmo assim, as letrinhas parecem confusas. Não é sempre que me dá essa agonia, foi assim também com "Deuses Americanos", do Neil Gaiman - taí um livro que me deu tristeza de terminar, vontade de virar noites lendo a saga de Shadow.. enfim, odeio quando o cara da van apaga a luz.
* * *
Mas amo quando o cara do meu lado, vendo que eu TINHA que terminar pelo menos o capítulo em que estava, percebe o quanto o livro é interessante e pergunta o que estou lendo.
"É ficção?"
"É.. mas ele nunca consegue ser totalmente ficcional, sempre leva um pouco de si aos seus personagens"
"Auster.. vou procurar".
* * *
Eu chamo isso de uma pequena vitória.
* * *
Foda é quando apontam pro meu braço e perguntam "é de verdade?". Vou fazer um FAQ Tatuagem aqui.
* * *
O Quizilla não mente jamais!!

You Are Chucky. Trapped inside the body of a doll, you seek the one person that can free you from your prison and make you human again. And you will stop at nothing until you find him.
What horror movie killer are you?
brought to you by Quizilla

sexta-feira, fevereiro 07, 2003

"Seu Ratinho, esse cara não é de Deus não senhor!"
* * *
which michael jackson era are you? - the thriller era


which michael jackson era are you?
you are the thriller era. this is the era of the most favorable public opinion. from the moment you did the moonwalk for the first time on the motown 25 tv special, you had captivated millions around the world. you're undeniably a pop culture icon who is basking in th success that hard work deserves. you love short pants, and you've even made this once-faux pas into the latest fad. you're a music video pioneer, and the still-normal-looking mug that graces tv screens everywhere makes 13 year old girls throughout the world go into convulsions.
Leite com biscoitos. Sim, lógico.
Pensem na possibilidade disso realmente acontecer.. os Tribalistas ACABAM! :)))

quinta-feira, fevereiro 06, 2003

Sugiro análise.
* * *
Estou realmente achando que o distúrbio obsessivo compulsivo não é meu.
Tive um sonho assustador. Espero que ela esteja viva.
* * *
Sabe o caso do Phil Spector? Então, essa é a dona que ele supostamente matou (supostamente, pois ainda não há provas de que tenha sido realmente ele). Lana Clarkson era atriz de filmes B e teve um final coerente com sua carreira, pode-se assim dizer.
* * *
Eu acho que vocês estão falando pouco. Enfim, eu ando mesmo telegráfica ultimamente, mas só aqui. Nos caderninhos de papel, a produção vai bem, obrigada. Mas é que, se eu falar demais, corro o risco de expor pessoas queridas, então não tou a fim. Basicamente isso. Mas vocês podem falar. Vamos lá, contem piadas. As piores. Piores do que as minhas, quero ver.
* * *
Livia, sua sugestão do troféu foi anotada e está sendo desenvolvida.
* * *
Tem uma impressora aqui que soa como um BERRANTE. Bizarro
* * *.
Isso aqui é tão fofo que dá agonia.
* * *
Cara, que tatuagem escrota!!!!! QUACK!!!!

quarta-feira, fevereiro 05, 2003

Hiro manda notícias de seu povo: os japoneses conseguiram a fórmula da invisibilidade.
Ok, não é bem assim. Leia aqui e descubra como eles fizeram.
Que isso? De novo um complô pra me enlouquecer?
Eu?
Paranóica?
Naaaaahhh!
* * *
Da série "Eu Amo Meu Trabalho":
Coisas que só se ouve aqui: nosso produtor de moda tem um casting hoje. De anões. Na mesma frase, se ouviu "Ilha de Caras" e "Oompa Loompas". Não, não é pra gente.. mas só se ouve aqui.
* * *
Hot Wheels no Cinema
15 milhões de colecionadores de carrinhos-de-ferro podem ficar felizes com o anúncio da Columbia Pictures, de que será lançado um filme baseado nos Hot Wheels.
Há aproximadamente 35 anos a molecada brinca de Matchbox compulsivamente, coleciona os brinquedos, e enfim chegou a hora de levar as máquinas quentes às telonas - o argumento ainda está em desenvolvimento, mas já se sabe que terá um herói gatinho (não brinca), uma história de amor (nãããooo brincaaaa) e os carros mais sensacionais que já se viu na história do cinema.
* * *
O diretor já está certo: é o McG, de "As Panteras" (cuja seqüência já está sendo filmada), e sua paixão pelos carrinhos foi decisiva para a Mattel liberar os direitos da marca para a Columbia.
* * *
Você é mau? Mau mesmo? Aqui tem os empregos certos para você.
* * *
Aí, esse jogo é literalmente do caralho.
Fodo the Hobert
Sabe esses sites de "Engrish"? Basicamente vários exemplos de inglês porcamente aplicado em embalagens, camisetas, papéis de carta e tudo o mais. Entonces, algum desocupado deu printscreen num dvd asiático de "As Duas Torres" - e agora você pode assistir ao filme com legendas em Engrish e conhecer o fantástico mundo dos hoberts, hobiks e aprender todas as variações do nome do mago Gandalf - Candoff foi A melhor.
Boa diversão, e All Your Base Are Belong To Us!

terça-feira, fevereiro 04, 2003

Bota Tudo Na Islândia, João Pequeno! Fode com o Jazzmo!
O Fred descobriu um jogo de War Online. Ferrou, não vou mais fazer nada da vida. Mas, confesso, na casa dele tem muito mais graça. Bem, fica aí a dica, criei uma sala lá.. vai ser fácil descobrir qual é. ;)
Momento Frei Damião: quando aparecem bebês e filhotes, e a mulherada quebra o pescoço pro lado e faz "wooooooooohhhnnnn".
* * *
Homem não sabe cuidar de criança

Definitivamente.
* * *
Maternidade
É o seguinte, quero ter uma filha:

* * *
Só faltou colocar fotos de gatinhos aqui. Aí o público feminino do blog chora. Heh.
* * *
Como dizia JP, "rarara que esculacho!":
PISCES (Feb 19–Mar 19): Even your most romantic encounters now take on an air of casual friendship. This is, in fact, a wonderful time for all kinds of social engagements, but it doesn’t overly emphasize romance and intimacy. Given the opportunity, you’ll now easily enjoy the company of others, especially in larger groups, whether you are a solo act or part of a duo.
* * *
Mimosa descobriu um poema da Zezé Macedo. Tamo bem hoje, hein?
Parece piada
Era tão nerd, mas tão nerd, que morreu.
(notícia cortesia da Carol)

segunda-feira, fevereiro 03, 2003

Da noite:
"Sgt. Hetfield Motorbreath Pub Band", do Beatallica.
É isso aí mesmo que você ouviu: músicas dos Beatles cantadas como se fossem "Enter Sandman". Saca só um trechinho:
I don’t really want to stop the show/ But I thought you might like to know/ James Hetfield’s gonna sing a song/ And he wants you all to thrash along/ So let me introduce to you/ The band who drank 1000 beers/ Sgt. Hetfield’s Motorbreath pub band"
Genial é pouco.
* * *
..e meio mundo me mandou essa notícia: Phil Spector foi preso por suspeita de assassinato. Peraí. Logo QUEM? Phil Spector, O Homem Que Eu Quero Ser Quando Crescer (quer dizer, a nível de profissão, não de homem, hah). Phil Spector, o homem que redefiniu o conceito de pop e de produção fonográfica.
Pelo menos não foi pedofilia. Spector, como sempre, ORIGINAL.
* * *
Ooops, eu fiz de novo. Heh. Essa foi tão interna que só eu entendi.
* * *
Ligue o som..
Mais uma animação tosca do Rathergood.com. Eugene Mirman perde!
Eu queria que hoje ainda fosse o Dia da Marmota. Queria ainda vários domingos-dia-2, e fazer tudo o que eu fiz ontem de novo e de novo e de novo. Inclusive conquistar a África e a Ásia inteirinhas de uma sentada só.. pra depois perder de lavada, hah hah hah.
* * *
E sempre que eu preciso espairecer as idéias, cogito ir à igreja e assistir a uma missa, uma só. As pessoas sempre encontram conforto na igreja, por que comigo seria diferente?
Aproveito e deixo aqui a informação: na hora do desespero, amiga, tem santo padroeiro pra TUDO. Por exemplo, esses são os santos padroeiros dos problemas estomacais. Tem mais lá. No entanto, há uns santos um tanto obscuros e em inglês, que é difícil saber o equivalente por essas terras tropicais. Tem problema não, nega, tem problema não. Só de saber que alguém vai te ajudar a resolver teu problema, seja ele qual for, já devia valer a pena.
* * *
M&M's é gostoso e divertido
No site da guloseima tem uns joguinhos, ahn, vamos lá, vou dizer de novo essa palavra, fofos. Tem esse aqui, onde o M&M amarelo domina Tókio e esse aqui, para vocêfazer seu próprio filme de monstros. Bom passatempo pra vocês. Eu vou trabalhar, heh.
* * *
Há uns meses atrás, coloquei aqui o link de um site pra fazer vudu online.. olha! outro! outro! Oba!
* * *
Aí, já mandei isso aqui para alguns amigos, mas não custa mandar de novo. Ok. Ela é homem. Ai.

domingo, fevereiro 02, 2003

Babe.. I got you, babe..
Hoje, dois de fevereiro, é dia de Iemanjá e dia da Marmota. Sobre o dia de Iemanjá, não preciso falar nada, imagino que todo mundo que vem aqui seja brasileiro e saiba quem é Iemanjá - mas o Dia da Marmota só ficou conhecido por essas bandas por conta do filme "Feitiço do Tempo", com Bill Murray, Andie MacDowell e o cara que faz um dos ladrões de "Esqueceram de Mim". Lembra dessa? O personagem de Bill Murray é um escroto, prepotente e egoísta que um dia descobre estar vivendo eternamente o dia 2 de fevereiro. Então, o óbvio, começa a fazer tudo diferente. A TNT tá reprisando isso agora, e eu tentei achar algo relativo ao filme pra colocar aqui.
Minha primeira pesquisa no google por "Groundhog+Day", incrivelmente, não caiu no filme: Caiu no dia da Marmota, uma celebração REAL na cidadezinha REAL de Punxsutawney, na Pensilvânia.
Inacreditável.
Então, olha só, aqui tem o site oficial da celebração, que, reza a lenda, tem mais de 100 anos, e aqui tem o site do próprio Phil, A Marmota.
* * *
Here she comes.. you'd better watch your step.. she's going to break your heart in two, it's true
"Femme Fatale" é um Brian de Palma disfarçado de Antonioni.
O filme é todo muito bom, mas não sei se gostei porque.. porque.. bem, eu odeio filmes que.. que.. como dizer isso sem estragar tudo? É um conjunto de fatores. Ou melhor, UM fator. O fator "Encaixotando Helena". Me dá RAIVA. Muita raiva. Eu fico puta, e com a sensação de ter sido enganada. E também com a sensação de que o roteirista é RUIM. Ok, ele tentou consertar depois. Ok, foi legal. Mas nada me tira da cabeça que isso é coisa de quem não sabe terminar nada que começa.
* * *
No fundo, acho que fico com raiva por causa disso. Hah hah. Porque rola uma identificação. É, deve ser isso mesmo. Ééé, dona Lia..
* * *
Ah, os rótulos e estados civis.. podia dissertar horas sobre a inutilidade disso, mas prefiro ficar quieta. Pelo menos uma vez na vida, quieta no meu canto. Com o nariz enterrado na parte de lá do sofá, lógico.

sábado, fevereiro 01, 2003

..e hoje não rola ensaio porque dona de casa tem mais é que arrumar e faxinar a casa mesmo.
* * *
Obrigada por todas as mensagens de carinho aí embaixo, caras. Eu amo vocês. Só não agradeço os recadinhos um a um senão eu viro a.. a.. esquece hahahahaahahhaha.
* * *
Só não digo "voltemos à nossa programação normal" porque eu não sou normal.
* * *
Cornolio viu

Sim, Brian de Palma criou imagens inesquecíveis, hoje transformadas em referências. Certo, biscoito. Mas "Vestida para matar" supera os limites da canastrice - não que não seja bom, veja bem, é maravilhoso, mas aquela cena inicial da dona se acariciando no banho é total "Os Trapalhões", as expressões de seu rosto.. e a dublê de corpo, sim, tem uma dublê de corpo, quando você vê a dona nua de costas você tem certeza de que o corpaço do chuveiro não era dela.. e o táxi, que aparenta um espaço interno duas vezes maior do que o de um carro normal.. e os cabelos, mas isso é da época.. deixa pra lá. Eu tava "cornolio" depois de dois vidrinhos de Arrebite C e um cochilo durante outro filme ("As Confissões de Schmidt") e vi "Vestida para matar" com outros olhos.
* * *
Dando a cara a tapa parte sei lá qual
porque ninguém mais precisa me achar gostosa além do meu garoto
E da brilhante iniciativa da minha estimada Ana Laura, surgiu o MONSTROLOG.
Isso aqui sou eu aos 11 anos:

Reparem no naipe da gatinha. Na barriguinha de fora. Na roupinha, supercombinando com a botinha (!!!). No penteado. Na ambientação (Campo de São Bento, em Icaraí, Niterói, muito provavelmente em dia de feirinha). Pelo amor de deus, notem que a foto foi tirada numa máquina LOVE, aquela que vinha com duas minifotos extras e a gente mandava pra revelar em Manaus, com a máquina inteira. Lembra disso? Você ainda podia recomendar a máquina Love para um amigo. Essa praga era tipo spam, só que de máquina fotográfica. Eu tenho algumas fotos da Love, acho que foram uns dois ou três anos usando essa bagaça.
Mas então, quer ver mais gente bunita saindo péssima em fotos? Clique num dos banners abaixo:
Este site está em novo endereço: visite www.liaamancio.com.br para novidades e updates!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...