Este site está em novo endereço: visite www.liaamancio.com.br para novidades e updates!

sexta-feira, abril 05, 2002

Cara
Hoje fazem 8 anos que Kurt Cobain morreu. Ok, isso não me traz nostalgia alguma (se bem que ontem na Music Land - a loja de cds que tem aqui embaixo e poderia ambientar um filme do Kevin Smith! - estava rolando um B-sides do Nirvana e me bateu uma nostalgia fudida da minha época de Bougainville e Gap e Bedrock e botecos imundos da Wadih Cury), não vejo heroísmo algum em suicídio, mas é sempre bom lembrar: Nirvana era uma banda do caralho.
Eles mudaram os parâmetros do rock'n'roll no começo dos anos 90. O tal do "grunge rock" era um punk rock MAIS tosco, mais cheio de emoção, mais melódico, e muito mais 'no future' do que qualquer Sex Pistols - é só ver ONDE estão os adolescentes que ouviam Nirvana em 90, 91. Se no final dos anos 70 ainda existia alguma vontade de fazer alguma coisa (daí surgiu o punk rock, bocó), no começo dos anos 90 a gente tinha tudo mastigado. Tinha revista de rock, tinha canal de música na tv, tinha discos chegando por aqui com uma facilidade quase espantosa. Estava bom do jeito que estava, o que viesse dava pra forrava o estômago numa boa.
O Nirvana, por mais que você não goste, soube se comunicar com uma geração que não tinha muito a dizer - e, por mais apáticos que parecêssemos (é, me incluo), sofríamos com isso. Com o fato de nossos pais terem nos deixado num mundo pronto, sem nada de novo pra conquistar. Essa angústia toda (embora muita gente não soubesse de onde vinha, ou tivesse outros motivos) tinha como válvula de escape as GUITARRAS com FUZZ, num mundo dominado pelo que sobrou do pop anos 80, e de repente aparece um nerd magrelo fudido desafinado, mas que fala DIRETO para essas pessoas. As letras que não faziam sentido algum (gente, por mais que eu goste, letra do Nirvana não é poesia, ok?), performances arrebatadoras e cheias de energia, e uma brodagem que há muito não se via nesse meio... o cara, no auge do sucesso, coloca uma camiseta fuleira de uma banda de um amigo, e fica por isso mesmo.
É. Isso foi o Nirvana, isso foi Kurt Cobain. Você pode não gostar. Mas respeite.
* * *
E os Beatles, hein?

Quem diria.. altos quepes.
* * *
xCAMIx: a gente tá cantando 'na arvore da montanha'
fim
Little Honda: nessa árvore tem um galho
ai ai ai que amor de galho
Little Honda: cara, vocês têm q cantar comigo e com o Brito a música do rabão da serpente pras góticas clones da Louise Brooks
xCAMIx: AUHAUAHUAH ok
(É impressionante. Todas as góticas do RJ usam chanel preto. Sei lá, há uns 4 anos atrás eu tinha cabelo assim... não rola. Não rola.. na boa.. estou pintando de 'loiro mel'. Até vermelho está enchendo o saco.. mas é muito engraçado chegar nessas festas assim, de alienígena - é, não é a minha praia - e ver uma cena dessas. Várias clones... diversão garantida, ha ha ha!!)

Nenhum comentário:

Este site está em novo endereço: visite www.liaamancio.com.br para novidades e updates!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...