Este site está em novo endereço: visite www.liaamancio.com.br para novidades e updates!

domingo, novembro 10, 2002

Só pra constar: se você nunca teve a cara de pau de entrar num bingo pra jogar, está mais do que na hora. Não precisa gastar mais do que dois reais, e ainda tem a chance de ganhar alguma coisa (ahn. Não ganhamos nada, mas enfim). Porque não sei se vou chegar aos 75, então por que esperar até lá?
De qualquer forma, eu e minha querida Lila pudemos conferir a veracidade da piada "como se faz um grupo de velhinhas gritar 'merda'? É só gritar 'Bingo!'".
Outras coisas que me ocorreram agora:
- Voltar pra casa cantando The Wonders (ou insira banda de sua preferência aqui) com alguma amiga (ou amigo) pela Nossa Senhora de Copacabana (ou pela rua movimentada do seu bairro) totalmente sóbrio(a), já está na hora de parar de se levar a sério só um pouco e fazer isso; corolário: voltar pra casa à noite, mas ainda dentro do horário da lei do silêncio, tocando castanholas (ou insira instrumento portátil de sua preferência).
- Cantar o "Ultimate Evil Medley", com "Minha Fama de Mau", do Erasmo, e "Mau Mau", do Little Quail durante o banho. Pensar em tocar isso com sua banda imaginária (aquela banda que não é a sua, que só toca o que você quer).
- Se você, como eu, sofre de excesso de autocrítica, tem medo de divulgar as coisas que você produz com medo de encarar críticas negativas, passa meses pesquisando para fazer tudo dentro dos conformes e escrever o capítulo introdutório do seu livro (ou fazer A música, ou pintar O quadro, seja lá qual for sua área de atuação), e além de tudo acha que ficou bom e quer mostrar pra meio mundo porque SABE que vão gostar, hoje é realmente seu dia.
- E, como hoje é meu dia, um amigo perdido na cidade me ligou às onze da manhã; como hoje é meu dia, comprei um cd duplo de gravações da Sun Records onde os únicos clichês são "Blue Suede Shoes" (quem disser que essa é do Elvis LEVA PORRADA NA SAÍDA!!!!!) e "Matchbox", do Carl Perkins, a presença certa de Elvis Presley (com "That's Alright" e com "Mystery Train"), Jerry Lee Lewis (adivinha com o que?? O óbvio, que todo mundo conhece, "Whole Lotta Shakin' Going On"!), Roy Orbison (graças a deus, sem "Pretty Woman") e Johnny Cash & The Tennesee Two com "I walk the line" e (tesão, tesão, tesão) "Folsom Prison Blues" (Johnny Cash é irrepreensivelmente bom, amigos). O resto é total rock'n'roll roots, de rythm & blues até grupos vocais do início dos anos 50, Sonny Burgess, Billy Riley, Ed Bruce, Rufus Thomas The Jesters e mais umas paradas que nunca ouvi falar mas estou amando... da época em que ainda se misturava as bolas, não havia essa distinção tão clara entre os gêneros, e uma base de rockabilly era cantada como blues, uma base de blues era tocada com um trumpete de big band, um baixo country e - aaaahhhh - daí nasceu o rock. São 44 faixas comemorando os 50 anos da Sun Records, que lazer, que tesão, que cd foda pra um fim de noite de um sábado que, pra ser perfeito, só faltava estar longe, muito longe do Rio de Janeiro.
* * *
Uma das músicas desse cd da Sun chama-se "I'm Gonna Murder My Baby", de Pat Hare. Hare de fato foi preso por ter assassinado a namorada. Freeeaaakkk!!!
* * *
Música do dia: Doctor Ross, "The Boogie Disease".
Aliás, se liga que as Pílulas de Vida Do Dr. Ross ainda são vendidas em qualquer farmácia, em embalagens de plástico mas com o logotipo vintage original.
Pois é. Antes era minha coleção de bulas que mamãe, sabiamente, jogou fora há anos atrás. Agora tomei gosto por ítens farmacêuticos dos tempos da vovó - As Pílulas de vida do Dr. Ross ("fazem bem ao fígado de todos nós", dizia o jingle de rádio), o Dê-Dol lápis adstringente (indispensável em seu lar!), a Essência de Vida Olina e o Cloridrato de Tetracaína (cessa a dor de dente em um minuto!). Todos ilustrados com aquelas figurinhas de almanaque e diagramação da época - e de laboratórios diferentes, o que me leva a crer (será??) que finalmente descobriram que essas embalagens de remédio andam extremamente sem sal e que a melhor coisa pra passar na frente da concorrência são embalagens istáile e com cara de antigas, o que aumenta a credibilidade do produto. Fiquem vocês com os anos 2000. Eu estou feliz na minha época, um mix dos anos 10 até os 90, com predominância dos 40 e 50 - obrigada.
* * *
Façam-se um favor, baixem no Kazaa uma musiquinha chamada "Red Hot", pode ser na versão de Billy "The Kid" Emerson ou de Billy Riley (são diferentes). Ouçam e pensem na Boneca aqui, ok?

Nenhum comentário:

Este site está em novo endereço: visite www.liaamancio.com.br para novidades e updates!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...